Pesquisadores da UFRJ criaram produto que usa recursos renováveis e tem baixo custo de produção

Com glicerina derivada de óleo de mamona e ímãs, pesquisadores da UFRJ criaram uma técnica para absorver petróleo que pode ser a solução para vazamentos de petróleo como o que assola o Golfo do México desde o dia 22 de abril.

O produto usa a glicerina em pó que se ligar ao petróleo, e depois substâncias magnéticas separam o óleo da água. A vantagem é que a tecnologia é barata e os materias podem ser reaproveitados depois de filtrados e destilados.

Veja mais na reportagem da Band News:



Acompanhe a evolução do vazamento de petróleo no Golfo do México no infográfico do iG

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.