Termina em Genebra volta ao mundo de carros elétricos

Corrida sem emissões de dióxido de carbono durou 188 dias

AFP |

AFP
Integrantes da equipe TREV comemoram o fim da corrida em frente ao prédio da ONU, em Geneva
Carros elétricos procedentes de Austrália, Alemanha e Suíça terminaram nesta quinta-feira (24) em Genebra uma volta ao mundo sem emissões de CO 2 , após um périplo de 188 dias por terra e mar, apoiada pelas Nações Unidas.

Seis meses depois de começar um percurso de 27 mil quilômetros, um triciclo australiano chamado Trev, uma scooter alemã e a motocicleta suíça Monotracer chegaram às instalações da ONU na cidade suíça.

A corrida "Zero Race", que tinha por objetivo dar a volta ao mundo em 80 dias de condução efetiva, em alusão ao livro de Jules Verne, foi organizada por um professor suíço, Louis Palmer, também conhecido por ter dado a volta ao mundo em 18 meses em um táxi que funcionava com energia solar, há dois anos.

Cada carro, com uma autonomia elétrica de 250 quilômetros, precisou fazer paradas frequentes para recarregar as baterias.

Esta corrida simbólica fez uma parada em Cancun (México), na cúpula da ONU sobre o clima, que ocorreu no fim de 2010, e cruzou depois Europa, Rússia, China, Canadá e Estados Unidos.

    Leia tudo sobre: ONUSuíçatransportesmeioambiente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG