Segundo grupo de resgate, causas das mortes foram ingestão de lixo, atropelamento por barco e afogamento causado por pesca

selo

Onze tartarugas apareceram mortas na região de Praia Grande, no litoral paulista, entre o último domingo (2) e hoje. Entre elas, havia 10 tartarugas verdes e uma tartaruga-de-pente. Segundo a veterinária Andrea Maranho, do Grupo de Resgate e Reabilitação de Animais Marinhos (Gremar), parte das tartarugas morreu por ingestão de lixo, uma delas foi atropelada por uma embarcação e outra foi afogada por causa da atividade pesqueira.

Somente este ano, 134 ocorrências com tartarugas já foram registradas, número elevado para o período. Os problemas acontecem principalmente por causa do lixo ingerido acidentalmente pelos animais e por sua captura em redes de pesca. Esta semana também foi encontrado um pinguim no Guarujá, mas ele se encontrava em bom estado de saúde.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.