Rinocerontes estão sendo rastreados por GPS na África do Sul

Chifre dos animais é muito procurado por ser considerado medicamento

iG São Paulo |

Guardas inserem GPS em um rinoceronte de 8 anos na Reserva Mafikeng, no Noroeste da África do Sul. O intuito da operação é acompanhar os movimentos do animal e tentativas de caça contra ele.

A caça ilegal na África do Sul aumentou neste ano devido à demanda crescente pelo chifre de rinoceronte. A alta procura está no fato de eles serem usados como medicamento e vão para os ricos mercados asiáticos, onde é usado como um medicamento.

Pesando apenas 40mm, o GPS, que possuem uma vida útil de até três anos, é inserido o chifre. Na operação, guardas já conseguiram colocar os equipamentos em, pelo menos, oito animais.

    Leia tudo sobre: áfrica do Sulrinoceronte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG