ONG calcula quantos litros são usados na produção da bebida, desde seu cultivo até a fabricação da xícara

Café: 140 litros de água por xícara, chegando dependendo do material do recipiente e da origem do açúcar
Getty Images
Café: 140 litros de água por xícara, chegando dependendo do material do recipiente e da origem do açúcar
A produção de uma xícara de café exige 140 litros d'água, anunciou a organização de proteção do meio ambiente Fundo Mundial para a Natureza (WWF), em comunicado divulgado nesta quarta-feira (13) à margem do Fórum Mundial da Água, celebrado em Marselha, sul da França.

A organização ambientalista aplicou um indicador elaborado pela Universidade de Twente, na Holanda, para registrar a "pegada hídrica" da xícara de café, que leva em conta o impacto de toda a cadeia de produção na fonte de água doce.

Veja a cobertura do Fórum Mundial da Água:
Fórum Alternativo da Água denuncia as grandes represas
Fórum Mundial da Água aprova declaração que desagrada ONGs
ONU alerta sobre ameaça de falta de abastecimento de água
Fórum Mundial da Água começa em Marselha de olho na Rio+20


O cálculo de 140 litros para uma xícara de café compreende, segundo a organização, a água usada no cultivo do pé de café, na colheita, no transporte, na venda e no preparo, explicou a ONG. O indicador inclui, ainda, o volume d'água necessário para a fabricação da xícara em que se bebe o café.

Se forem adicionados leite e açúcar ao café e se um copo de plástico for empregado para servir a bebida, "a pegada hídrica" de uma xícara de café passará para 200 litros, com variantes se o açúcar for branco, procedente da beterraba, ou mascavo, da cana-de-açúcar, acrescentou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.