ONU pede ao Canadá que cumpra protocolo de Kyoto

O primeiro-ministro canadense se negou a cumprir o protocolo por achar que comprometeria o desenvolvimento do país

EFE |

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, solicitou na quarta-feira, durante visita a Ottawa, que o Canadá cumpra o Protocolo de Kyoto e que faça pressão para que, durante a próxima Cúpula do G8, os países mais industrializados do mundo cumpram seus compromissos com as nações mais pobres.

"Peço ao Canadá que cumpra com objetivos estabelecidos no Protocolo de Kyoto", declarou Ban a jornalistas, ao referir-se ao tratado de 1997 pelo qual 37 países industrializados e a União Europeia se comprometeram a reduzir suas emissões de CO2 em uma média de 5% (com relação aos níveis de 1990) entre 2008 e 2012.

Após sua chegada ao poder em 2006, o primeiro-ministro canadense Stephen Harper (que no passado disse que o Protocolo se tratava de uma "conspiração socialista") se negou a cumprir os compromissos do Canadá por entender que se o fizesse comprometeria o desenvolvimento econômico do país.

Pouco antes de reunir-se em Ottawa com o Harper, Ban também disse que deseja que na condição de presidente do G8 assegure que os líderes do grupo cumpram seus compromissos de entregar ajuda econômica aos países mais pobres do planeta.

A Cúpula do G8 acontece no final de junho nas proximidades de Toronto. O Canadá, como país anfitrião e presidente temporário do grupo, tem a responsabilidade de estabelecer a agenda da reunião.

Além da reunião do G8, nas mesmas datas Toronto também será sede da Cúpula do G20, grupo que tem a participação dos países mais industrializados e das principais economias emergentes do mundo.

    Leia tudo sobre: kyotocanadáG8

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG