Obama anuncia que revisará os procedimentos de perfuração

O presidente dos Estados Unidos disse que as empresas fizeram um espetáculo ridículo no Senado

AFP |

O presidente Barack Obama disse nesta sexta-feira que compartilha a indignação das vítimas da maré negra no Golfo do México, e denunciou o "ridículo espetáculo" das empresas de petróleo no Senado culpando-se mutuamente; também anunciou que revisará os procedimentos de autorização das perfurações no mar.

"Hoje anunciamos um reexame dos procedimentos ambientais para a exploração e desenvolvimento de petróleo e gás", afirmou Obama à imprensa, enquanto que os executivos da BP lutam para conter o vazamento de mais de três semanas, embora tentem minimizá-lo.

"A exploração de petróleo doméstico continua sendo parte da estratégia geral de energia, que agora será mais clara", afirmou. "Mas é absolutamente essencial que haja a necessária salvaguarda de proteção para que uma tragédia como essa não aconteça de novo".

Atacando com veemência as sociedades petroleiras vinculadas à contaminação, o presidente disse que não gostou do que "considera um espetáculo ridículo durante as audiências no Congresso sobre este tema", realizadas peos representantes das companhias na terça-feira passada.

Ele assinalou anteriormente que viu com os próprios olhos a raiva e a frustração de seus compatriotas no Golfo durante sua visita à região em 2 de maio passado.

"Deixem-me dizer a eles que é uma raiva e uma frustração de que compartilho", enfatizou.

    Leia tudo sobre: vazamentopetróleogolfo do méxicoeuaobama

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG