O maior desastre da história

A estimativas da quantidade de petróleo vazado aumentaram ao longo do tempo. Poço chegou a jorrar 60 mil barris por dia

iG São Paulo |

O maior desastre ambiental americano surpreende em números. Primeiramente o vazamento foi estimado em mil barris de petróleo por dia. No dia 28 de abril, oficiais do governo falaram que o poço apresentava três vazamentos e que estava derramando mais de 5 mil barris por dia (um barril equivale a 42 litros). Mas logo cientistas e grupos ambientalistas começaram a questionar as estimativas.

No dia 27 de maio, cientistas governamentais apresentaram um novo número: vazamento variava de 12 mil a 25 mil barris por dia. Logo depois, a estimativa cresceu de 25 mil para 30 mil barris ao dia. Em 15 de junho, o governo americano declarou que o desastre correspondia a mais de 60 mil barris por dia que jorravam pelo Golfo do México.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG