Marinha sobrevoa Campo de Frade para verificar extensão de vazamento

Inspetor deve registrar tamanho da mancha de óleo por meio de fotografias

Agência Brasil |

Um inspetor da Marinha brasileira sobrevoou na manhã de hoje (20) o Campo de Frade, na Bacia de Campos, para verificar a extensão da mancha de óleo decorrente de novos vazamentos na área , detectados este mês. O inspetor deve registrar o tamanho da mancha de óleo por meio de fotografias.

Segundo a Marinha, o sobrevoo foi feito em uma aeronave da Chevron Brasil Upstream, empresa responsável pela extração de óleo no Campo de Frade.

Em novembro do ano passado, uma fissura no fundo do mar, decorrente de uma perfuração no Campo de Frade, provocou o vazamento de mais de 2 mil barris de óleo . No último dia 4, a Chevron constatou uma nova mancha de óleo .

No dia 15, técnicos da Agência Nacional do Petróleo (ANP) constataram a existência de cinco novos pontos de vazamento ao longo de uma fissura de 800 metros no mesmo campo. Após a descoberta dos vazamentos, a Chevron suspendeu as operações no local.

Entenda o caso:
Promotoria focará segurança em caso de vazamento da Chevron
Chevron divulga vídeo com imagens do vazamento
Situação em bloco da Chevron está fora de controle, diz PF
Ministério Público prepara ação penal contra Chevron
Executivos da Chevron são impedidos de deixar o Brasil
Detectada mancha de óleo de 1km do vazamento da Chevron
ANP diz que há novo vazamento da Chevron na Bacia de Campos
Para Ibama, trata-se de uma ocorrência natural
Minc afirma que faltou transparência por parte da Chevron

    Leia tudo sobre: vazamentopetróleobacia de campos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG