Marinha diz que mancha de petroleo se dissipou na Bacia de Santos

Petrobras afirma ter concluído coleta de óleo de vazamento ocorrido a 300 km do litoral de São Paulo

iG São Paulo |

A Marinha afirmou que a mancha de petróleo resultante do vazamento da tubulação do navio-plataforma FPWSO Dynamic Producer, a serviço da Petrobras, já se dissipou na Bacia de Santos. De acordo com nota divulgada na tarde de hoje (3) pela Marinha, foram feitos sobrevoos no local, a cerca de 300 quilômetros da costa do estado de São Paulo, e não foram mais observados sinais de mancha de óleo.

A Petrobras afirmou hoje (3) ter finalizado a coleta de óleo que vazou na bacia de Santos. De acordo com a empresa, como não existem mais vestígios de óleo no mar e reduzirá de 6 para 2 o número de embarcações no local. A Marinha permanecerá na região com a fragata Independência e um helicóptero a bordo.

Leia mais:
Manchas de óleo estão mais dispersas após acidente em plataforma
Petrobras detecta vazamento de petróleo na bacia de Santos
Mancha não deve chegar ao continente, diz Petrobras
Ibama exige relatório da Petrobras até segunda-feira

A Petrobras também afirmou, em nota, ter iniciado hoje o Plano de Monitoramento Ambiental, em que precisa dar informações ao Ibama sobre o monitoramento e possíveis danos causados ao meio ambiente em decorrência do vazamento de óleo. Os procedimentos do plano foram estabelecidos pelo Ibama.

O poço onde ocorreu o acidente na segunda-feira (31) está fechado. A empresa só vai pedir autorização para retornar as operações no poço após a conclusão das investigações sobre as causas da ocorrência. A Petrobras estava no estágio inicial de operação do poço no pré-sal, onde recolhia óleo para obter informações e análises do reservatório de petróleo.

O vazamento foi detectado na manhã do último dia 31 na coluna que transportava o óleo até o navio-plataforma. A Petrobras estimou que o vazamento foi equivalente a 160 barris de óleo. O navio realizava um teste de longa duração, na camada do pré-sal, a 2.140 metros de profundidade.

(Com informações da Agência Brasil)

    Leia tudo sobre: vazamentopetróleopetrobras

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG