Irã oferece ajuda aos EUA para conter vazamento de petróleo

Engenheiros iranianos ofereceram know-how adquirido na época da guerra com o Iraque, na década de 80

EFE |

 O Irã ofereceu hoje ajuda aos Estados Unidos para frear o derramamento de petróleo que há um mês atinge o Golfo do México, ao afirmar que tem experiência porque no passado enfrentou desafios maiores.


Em declarações divulgadas pela agência de notícias estatal "Irna", o diretor de operações de perfuração da Companhia Nacional iraniana, Mehran Alinejad, disse que a República Islâmica conta com os meios técnicos para deter o vazamento de petróleo no mar. "As equipes técnicas iranianas conseguiram grandes sucessos no fechamento de poços de petróleo. Comparativamente, a perfuração na plataforma do Golfo do México não é uma grande façanha", destacou o iraniano.

Essa experiência foi adquirida pelos engenheiros iranianos durante os anos da guerra na fronteira entre o Irã e o Iraque (1980-1988), especificou Alinejad. "Existe um desastre ecológico no Golfo do México que tem consequências negativas para todo o mundo. Por isso, se recebermos uma resposta positiva das autoridades desse país, podemos examinar a situação e contribuir para sua solução", disse.

Os Estados Unidos informaram em 6 de maio que três países tinham oferecido ajuda diante da catástrofe, mas não mencionaram o Irã. Um mês depois da explosão da plataforma petrolífera, operada pela British Petroleum (BP) no Golfo do México, a 77 quilômetros do litoral do estado da Louisiana, que causou a morte de 11 trabalhadores, o vazamento ainda não foi controlado e ameaça a chegar nesta semana às restingas do delta do Mississipi. O vazamento foi declarado "catástrofe nacional" pelo Governo dos Estados Unidos. Segundo BP, vertem por dia no mar 5 mil barris de petróleo.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG