Inpe: desmatamento da Amazônia cai 59%

Tendência de queda dos últimos meses se mantém. Pará foi o estado que mais desmatou na região

iG São Paulo |

O desmatamento em junho deste ano na Amazônia caiu 58% em relação a junho de 2009, para 244 quilômetros quadrados, segundo o Sistema de Detecção do Desmatamento em Tempo Real do Instituto Nacional de Pesquisa Espaciais (Inpe), divulgados nesta segunda-feira (09/08).

Na comparação entre agosto de 2009 ano e junho de deste ano, o desmatamento da Amazônia caiu 49%. O período representa 11 meses do ano-calendário para a medição do desmatamento da floresta. O dado mantém a tendência de 2010 de menor índice de desmatamento da história.

De acordo com informações do Deter, sistema de detecção do desmatamento em tempo real do Inpe, entre agosto de 2009 e junho de 2010 a floresta amazônica perdeu 1.810,81 quilômetros quadrados contra os 3.538,51 quilômetros quadrados no mesmo período do ano anterior.

Apesar dos dados do Deter apontarem forte queda da destruição da floresta para todo o ano-calendário 2009/2010, o diretor do Inpe, Gilberto Câmara, procurou mostrar cautela e lembrou que os dados consolidados sobre o desmatamento são apurados pelo sistema Prodes (Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal), que tem metodologia diferente do Deter.

"O Inpe não está afirmando que o desmatamento vai cair 50 por cento" disse ele segundo a Agência Brasil.

"Além do problema da cobertura de nuvens, existe o problema dos pequenos desmatamentos", disse, numa referência a cobertura de nuvens na Amazônia que impossibilita a visão completa da Amazônia por satélite.

Mas, em entrevista coletiva em Brasília, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, comemorou a queda no acumulado do ano-calendário e mostrou confiança que a tendência de baixa na destruição florestal se confirmará quando forem anunciados os dados do Prodes, esperados para novembro.

"O resultado acumulado (no Deter) é muito bom. Foi como no ano passado, divulgamos mensalmente a tendência de queda com o Deter e, no fim do ano, o Prodes deu a menor taxa de desmatamento dos últimos 20 anos", afirmou.

Segundo os dados do Deter, o Pará foi o Estado que apresentou mais desmatamento em junho de 2010, 160,63 quilômetros quadrados, seguido pelo Mato Grosso, com 36,5 quilômetros quadrados e Amazonas, com 24,36 quilômetros quadrados.

    Leia tudo sobre: Brasildesmatamentoinpe

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG