Harrison Ford pede aos EUA maior compromisso com biodiversidade

O ator foi a COP-10, em Nagoya, com a ONG Conservation Internacional

EFE |

AFP
Ford expressou preocupação com o fato de EUA não ratificarem a Convenção
O ator americano Harrison Ford compareceu à convenção da ONU sobre biodiversidade, a COP-10, realizada na cidade japonesa de Nagoya, para pedir hoje aos Estados Unidos um maior compromisso com a vida no planeta. A presença do ator foi destaque na 10ª Conferência das Partes do Convenção sobre Biodiversidade Biológica (COP-10), realizada em Nagóia até o próximo dia 29.

. O documento foi elaborado na Eco-92, no Rio de Janeiro, entrou em vigor em 1993 e hoje conta com 193 países signatários.

"Foi um longo tempo no processo e é tempo, certamente, para que nós demos um passo à frente, assumamos nossa posição e ratifiquemos o tratado para, finalmente, ser membros plenos", disse Ford em entrevista coletiva em Nagoya.

Ford, quem chegou a Nagoya como parte da ONG Conservation International, indicou que 15% da superfície terrestre está protegida de uma forma ou de outra, mas "somente 1%" da superfície marinha conta com proteção.

    Leia tudo sobre: harrison fordbiodiversidadenagoya

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG