Filhote de urso adotado por família na Eslovênia vai para abrigo

Animal conquistou fãs no país após jornais publicarem foto dele ‘abraçando’ um rottweiler

BBC Brasil |

selo

Reuters
Urso pardo encantou a Eslovênia após fotos do bicho abraçando o cachorro da família adotiva
Um filhote de urso-pardo selvagem que foi adotado por uma família na Eslovênia e depois teria sido 'sequestrado', reapareceu e agora foi enviado a um lar para ursos órfãos na Romênia.

O filhote macho encantou o país após fotos do bicho abraçando o cachorro da família adotiva e brincando na mobília terem sido publicadas pela mídia nacional.

Seus donos queriam construir um cercado permanente para ser a moradia do animal mas foram persuadidos de que ele se tornaria grande demais e perigoso, e deveria ir viver em um abrigo para ursos.

Mas, antes que o filhote pudesse ser retirado da casa, ele desapareceu.

"Um dia antes de nossa equipe de especialistas chegar (à casa da família), seu cercado foi invadido e o filhote de urso foi sequestrado", disse Johanna Stadler, diretora da entidade beneficente de proteção a animais Four Paws.

A entidade ofereceu 1,1 mil euros em recompensa pelo retorno do urso e a polícia se envolveu no caso.
O filhote acabou sendo recuperado, trazido por um jovem que disse te-lo encontrado.
Segundo a polícia, o desaparecimento, e possível roubo, do urso continua sendo investigado.

Four Paws International
Urso recebeu um colar com GPS ao chegar na Romênia
Urso 'entrou no quintal'
O filhote, apelidado de Lucky (do inglês sortudo), ou simplesmente Medo (palavra eslovena para urso), tem hoje cerca de cinco meses de idade.

Os especialistas acreditam que ele teria sido abandonado pela mãe.

A Eslovênia é um país montanhoso com uma grande população de ursos-pardos ( Ursus arctos ), uma das maiores espécies carnívoras terrestres. Um macho da espécie pode chegar a pesar 350 kg.

A família Logar disse que o animal entrou em seu quintal na cidadezinha de Podvrh há cerca de dois meses.

Apesar do bom relacionamento entre os donos adotivos e o bicho, especialistas explicaram à família que o urso um dia se tornaria perigoso, tanto para eles quanto para seu cachorro, um rottweiler.

O orfanato para ursos em Harghita, na Romênia, onde Lucky viverá daqui para a frente, prepara ursos para retornar à vida selvagem.

"Lá, ele receberá cuidados dos nossos especialistas. Dentro de alguns anos, ele será capaz de voltar para sua casa na Eslovênia", disse Stadler

    Leia tudo sobre: geral

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG