Desmatamento na Amazônia foi de 52 km² em abril

Ministério do Meio Ambiente registrou um aumento de 40% na área desmatada em relação ao ano passado

Agência Estado |

A Amazônia apresentou desmatamento de 52 quilômetros quadrados em abril deste ano, área 40% maior do que havia sido registrado no mesmo mês do ano passado, de acordo com dados divulgados pelo Ministério do Meio Ambiente. Este é o terceiro mês consecutivo de aumento de desmate na região captado pelo Sistema Deter (Detecção de Desmatamento em Tempo Real) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

Em março, o Deter captou 52 quilômetros quadrados de área desmatada, área 197% maior que os 18 quilômetros detectados em 2009. Em fevereiro, o aumento foi de 29% na área desmatada.

Apesar desses índices, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, procurou mostrar otimismo em relação à tendência de desmate na região. Em sua avaliação, ela atribui essas últimas taxas a uma redução de nuvens na região amazônica. Com menos nuvens, o sistema consegue fazer uma captura mais eficiente da atividade de desmatamento na região.

"À primeira vista, esse é o principal fator do aumento dos números. Não registramos nenhuma pressão nova, nenhum fator novo que pudesse provocar um aumento do desmate na região", disse.

Na avaliação da ministra, a greve do Ibama em nada influenciou o aumento dos números registrados nos últimos três meses.

    Leia tudo sobre: desmatamentoamazôniainpe

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG