Cooperativa na Bahia está prestes a gerar créditos de CO2

Falta ainda verificar se projeto está de acordo com Protocolo de Kyoto

AE |

selo

A Verdecoop, cooperativa de reciclagem e compostagem da Costa dos Coqueiros, na Bahia, está na reta final para conseguir o aval das Nações Unidas para comercializar créditos de carbono. O documento de concepção do projeto foi publicado no site da Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas.

Com a publicação, a cooperativa entra na etapa de validação, na qual é verificado se o projeto está em conformidade com o Protocolo de Kyoto. A Verdecoop recicla, mensalmente, 95 toneladas de resíduos, oriundos de resorts e condomínios da Costa do Sauípe, no litoral baiano.

    Leia tudo sobre: ECONOMICOECONOMIA

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG