Assinado em SP protocolo para fim das sacolas plásticas

De acordo com documento assinado pelo prefeito, supermercados da cidade não distribuirão mais sacolas a partir de 25 de janeiro

AE |

selo

AE
Supermercados não deverão distribuir sacolas plásticas a partir de 25 de janeiro de 2012
O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, assinou hoje o protocolo de intenções com a Associação Paulista de Supermercados (Apas) para o fim da distribuição de sacolas plásticas em supermercados da Capital, a partir do dia 25 de janeiro de 2012.

Leia também:
Por que a sacola de plástico é prejudicial ao meio ambiente

Eficiência de sacola depende do consumidor, diz estudo brasileiro
Sacola plástica é o tipo mais sustentável, diz pesquisa britânica

Também assinaram o documento o secretário Municipal do Verde e Meio Ambiente, o secretário estadual do Meio Ambiente, Bruno Covas, e o presidente da Apas, João Galassi. A medida tem o apoio de três redes de supermercados e pretende abranger todo o Estado.

As redes de supermercados Pão de Açúcar, Carrefour e Walmart aderiram ao projeto e deixarão de distribuir 1,7 bilhão de sacolas descartáveis em suas 600 lojas. Os supermercados oferecerão, como alternativa, sacolas biodegradáveis compostáveis feitas de amido de milho e sacolas reutilizáveis. Ambas serão vendidas a preço de custo.

Campanha
A iniciativa da Apas com o apoio da Prefeitura de São Paulo está incluída em uma série de outras ações da Campanha Vamos Tirar o Planeta do Sufoco, lançada oficialmente hoje em São Paulo. A campanha teve início em 2010, na cidade de Jundiaí, com a proposta de estimular a substituição no comércio local de sacolas descartáveis por reutilizáveis.

    Leia tudo sobre: sacolas plásticaslixoreciclagem

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG