Animais declarados desaparecidos são vistos na África e México

Descoberta foi feita por pesquisadores enviados a locais isolados. As três espécies não eram avistadas há mais de 30 anos

AFP |

Pesquisadores encontraram duas espécies de rãs da África e uma salamandra do México que se acreditava extintas, informou nesta quarta-feira (22) a Conservation International, organização de defesa da biodiversidade.

A descoberta foi realizada por pesquisadores enviados a locais isolados do planeta com o objetivo de determinar a situação de uma centena de espécies de anfíbios declaradas desaparecidas há dezenas de anos.

Espécies ditas extintas reaparecem na vida real

Uma das três espécies encontradas é uma salamandra ( Chiropterotriton mosaueri ) que não se observava desde 1941. Vários indivíduos foram observados em uma gruta do Estado de Hidalgo, no México.

Outra descoberta ocorreu na Costa do Marfim, onde os pesquisadores encontraram uma pequena rã marrom ( Hyperolius nimbae ) que não era observada desde 1967.

A terceira espécie, uma rã marrom com manchas verdes, quase fluorescentes ( Hyperolius sankuruensis ), foi observada na República Democrática do Congo, algo que não ocorria há 30 anos.

    Leia tudo sobre: salamandraconservação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG