Duelo de titãs: cobras venenosas são flagradas em batalha de vida ou morte

Vídeo de confronto mortal entre cobra-marrom e cobra negra de barriga vermelha foi gravado na Austrália; animais pertencem à mesma família
Foto: Reprodução/Youtube/Sean Shaw
Duas das cobras mais perigosas da Austrália foram filmadas em disputa, mas a maior venceu e se alimentou da perdedora

Duas das cobras mais fatais da Austrália foram flagradas em uma luta de vida ou morte no último sábado (11). Uma cobra preta de barriga vermelha foi filmada atacando e depois comendo uma cobra-marrom, a segunda mais venenosa do mundo.

LEIA MAIS: Olha a cobra! Família encontra "visitante surpresa" na privada de sua casa

Filmada em Myponga, ao sul da Austrália, a batalha foi publicada no Youtube e já recebeu quase dez mil visualizações. Ao final do vídeo, é possível ver que a maior das cobras , a negra de barriga vermelha, se consagrou vitoriosa, mas ficou com a oponente entalada conforme engolia.

Sean Shaw, que filmou e publicou o vídeo, escreveu na legenda que viu a barriga vermelha perseguir a marrom até conseguir alcançar e atacar a presa. A cobra-marrom não quis ceder facilmente, mordendo sua oponente repetidas vezes, mas sem resultados.

O vídeo mostra o confronto por dois minutos e depois é cortado para imagens do resultado final, com o animal menor já sendo engolido pelo maior. Shaw afirma que, na verdade, se passaram aproximadamente 30 minutos até que a briga chegasse ao fim.

LEIA MAIS: Novo brinco? Mulher vai ao hospital com cobra de estimação presa em sua orelha

Shaw também acredita que o réptil maior na verdade sofreu um caso grave de olho maior que a boca. “Quando eu fui embora, a marrom já tinha sido engolida pela metade, mas a negra de barriga vermelha parecia ter empacado”, contou ao jornal britânico Daily Mail .

O expert em serpentes Chris Peberdy afirmou ao jornal que, por mais que seja altamente letal para humanos, o veneno da cobra-marrom provavelmente teve pouco efeito em sua oponente. “A cobra negra evoluiu para desenvolver imunidade ao veneno de outras cobras australianas”, disse. “É uma característica única que faz com que seja capaz de ser predadora de outros répteis”.

Elapídeos

As duas serpentes pertencem à família dos elapídeos, cobras escamosas venenosas que vivem em clima tropical e subtropical. Ambas se alimentam principalmente de outros animais, como sapos e roedores, mas também podem comer outros répteis.

LEIA MAIS: Cobra é flagrada estrangulando e comendo iguana na Argentina; assista

A cobra negra de barriga vermelha, apesar de ser pouco venenosa, provoca alta mortalidade entre humanos. Além de sua imunidade ao veneno de outros répteis, uma de suas características curiosas é o fato de se alimentarem inclusive de cobras da mesma espécie, em uma forma de canibalismo.

Link deste artigo: http://ultimosegundo.ig.com.br/ciencia/meioambiente/2017-02-13/cobra.html