Paul Bertner passou meses viajando da Amazônia a Bornéu para clicar a grande diversidade dos animais

BBC

Alguns animais de florestas tropicais evoluíram precisamente para serem difíceis de identificar.

Por isso mesmo, essas criaturas foram objeto de um projeto desafiador do fotógrafo canadense Paul Bertner - que passou meses viajando da Amazônia a Bornéu para clicar a grande diversidade dos 'mestres do disfarce' da natureza.

O resultado foram imagens fascinantes de lagartixas, bichos-pau, traças, aranhas e, claro, camaleões, entre outros bichos.

"Conseguir ver essas criaturas tão bem camufladas é muitas vezes uma questão de sorte", disse Bertner.

Para o fotógrafo, "experiência é certamente um fator que pode ajudar a perceber pequenas irregularidades em termos de formato, movimento ou aparência que servem de pista".

"Mas muitas vezes é simplesmente uma questão de dedicar tempo à pesquisa e descoberta."


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.