Galeria de fotos: Conheça animais com características físicas estranhas

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Entre os bichos citados estão o peixe cujo corpo é transparente e o macaco da espécie uacari careca que tem focinho vermelho

Focinho vermelho e disposição de pelos que lembra a de um homem calvo são algumas das características mais marcantes do macaco uacari careca, da espécie cacajao calvus. Encontrado principalmente no Brasil e no Peru, o animal prefere viver no topo de grandes árvores, onde pode ficar longe das inundações constantes que invadem seu habitat, principalmente no noroeste amazônico.

Assista: Macaca em extinção atacada pela mãe tem cães como melhores amigos

A coloração forte do bichinho pode ser, de acordo com cientistas, resultado da ausência de pigmentação, que ressaltaria a cor vermelha dos vasos sanguíneos através da pele. Mas, apesar de fofo, o destaque natural na pele do macaco é considerado uma desvantagem para a espécie, vista mais facilmente por predadores. Veja mais características curiosas no reino animal:

Uacari careca: o focinho vermelho é a marca da espécie, encontrada principalmente nas florestas do Brasil e do Peru. Foto: Wikimedia CommonsUacari careca: para cientistas, a cor é resultado da falta de pigmentação no macaco, o que ressalta a coloração dos vasos sanguíneos através da pele. Foto: Wikimedia CommonsPeixe-gelo antártico: a ausência de cor no vertebrado resulta da falta de hemoglobina no sangue. Espécie vive a mil metros de profundidade. Foto: Reprodução/YoutubeSapo roxo da Índia: adaptado para viver grande parte do tempo no subsolo, o girino tem um nariz achatado e pernas curtas próprias para cavar. Foto: Reprodução/YoutubeSapo roxo da Índia: cientistas acreditam que essas características são resultado da adaptação da espécie para viver no subsolo. Foto: Reprodução/YoutubeMacaco-de-Dollman: espécie foi descoberta recentemente em Mianmar e se destaca pelo nariz arrebitado . Foto: Reprodução/YoutubeMacaco-de-Dollman: população da espécie é estimada atualmente em 260 a 300 indivíduos. Eles são alvos de caçadores. Foto: Wikimedia CommonsPolvo-cobertor: encontrado nos mares da Nova Zelândia e Austrália, o animal possui 'cobertor' utilizado para, entre outras coisas, capturar presas. Foto: Reprodução/YoutubePolvo-cobertor: o tamanho do 'manto' serve ainda para identificar machos e fêmeas - fêmeas possuem quase dois metros a mais. Foto: Reprodução/YoutubeMariposa Beija-Flor: encontrado na Europa e Ásia, inseto possui duas trombas para sugar néctar e um mover de asas tão rápido quanto o de um beija-flor. Foto: Wikimedia CommonsSalpa: composto por vários organismos, espécie vive na costa da Califórnia e pode se tornar comum nos oceanos graças a sua capacidade de adaptação. Foto: Wikimedia CommonsGorgulho-girafa: esses besouros utilizam árvores específicas como fonte de alimento e habitat em Madagascar, onde são encontrados. Foto: Wikimedia CommonsGorgulho-girafa: para os machos da espécie, o pescoço é usado como mecanismo de combate durante a luta pela fêmea. Foto: Wikimedia Commons


compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas