Fotógrafo americano registra tempestades extremas nos EUA

Por BBC Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Mike Olbinski captura fenômenos climáticos no sul dos EUA. As fotos mostram raios e supercélulas no Kansas, Texas e Arizona

BBC

O caçador de tempestades Mike Olbinski, de 39 anos, tem fotografado fenômenos climáticos extremos no sul dos EUA. Ele passa grande parte do seu tempo livre fazendo os registros. As fotos incluem tempestades de raios e grandes supercélulas, supertempestades caracterizadas por uma persistente corrente de ar ascendente giratória. A maioria dos fenômenos foram capturados no Arizona, Kansas e Texas.

Fevereiro: Tempestade de gelo e neve atinge região sudeste dos Estados Unidos

Fotógrafo passa a maior parte do seu tempo livre fazendo imagens de tempestades de raios. Aqui, raio na cidade de Tucson. Foto: Mike Olbinski / Barcroft MediaRelâmpagos em uma tempestade na estrada 85 entre Gila Bend e Ajo, no Arizon. Foto: Mike Olbinski / Barcroft MediaSupercélula pitoresca se forma no noroeste de Booker, Texas. As supercélulas são formadas por uma persistente corrente de ar ascendente giratório. Foto: Mike Olbinski / Barcroft MediaNesta foto, uma grande cortina de nuvens chamada de "mammatus" se forma no Texas e um raio encontra um caminho entre as bolhas no céu. Foto: Mike Olbinski / Barcroft MediaMuitos dos fenômenos incríveis foram capturados nos Estados americanos do Arizona, Kansas e Texas. Acima, tempestade de areia em Phoenix. Foto: Mike Olbinski / Barcroft MediaTempestade de areia sobre uma área de plantação no Arizona. Foto: Mike Olbinski / Barcroft MediaOlbinski tirou esta foto do pôr do sol visto entre nuvens de um avião em Oklahoma. Foto: Mike Olbinski / Barcroft MediaOutro relâmpago, registrado ao sul de Camp Verde pouco depois do anoitecer. Foto: Mike Olbinski / Barcroft Media


Leia tudo sobre: olbinskifotografotempestadeeua

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas