Sociedade Ecológica Britânica escolhe fotos premiadas para marcar cem anos

Por BBC |

compartilhe

Tamanho do texto

Além das fotos de animais e insetos, a Sociedade Ecológica também recebeu imagens de devastações ambientais

BBC

Hans de Kroon foi premiado por esta imagem do jacinto-das-searas em Lefkas, na Grécia. Foto: BBCCarsten Meyer fez esta imagem de tubarões mortos sem as barbatanas na costa do México, no Pacífico, a milhares de quilômetros de distância dos consumidores de barbatana de tubarão, na China. Foto: BBCAnna Carter competiu na categoria Ecologia em Ação com esta imagem de um tuatara. Os movimentos da fêmea deste réptil eram rastreados graças ao carretel de algodão na cauda dela. Foto: BBCJacob Bishop enviou uma imagem de uma aranha saltadora atacando uma abelha e conseguiu o segundo lugar na categoria Estudantes. Foto: BBCElli Tzirkalli foi o vencedor na categoria Estudantes, com esta imagem da borboleta Apharitis acamas, muito comum no Chipre. Foto: BBCA foto de Daniel Metcalfe conseguiu destaque na competição. Mostra um tipo de eucalipto com brotos novos, cercado de grama logo depois de incêndio na floresta. Foto: BBCSilviu Petrovan competiu na categoria Ecologia e Sociedade com esta imagem de macacos relaxando na Floresta Sagrada dos Macacos em Ubud, Bali. Foto: BBCGavin Ballantyne foi o vencedor na categoria Ecossistemas e Comunidades, com a foto de uma aranha em uma flor de rododendro, em Dorset, na Grã-Bretanha. Foto: BBCAcima, a foto de Zoe Davies, a vencedora geral, com a imagem de dois albatrozes nas ilhas Malvinas (Falklands). Foto: BBC

A Sociedade Ecológica Britânica escolheu os vencedores de sua competição anual de fotografia. O prêmio de 2013 marca os cem anos da sociedade, criada para estimular a pesquisa ecológica.

Os competidores inscreveram imagens de animais, insetos e plantas em várias categorias, como Ecossistemas e Comunidades, Ecologia e Sociedade, Estudantes etc.

As fotos vieram de várias partes do mundo: Bali, Grécia, Chipre e da própria Grã-Bretanha.

Também foram enviadas imagens de devastação, como a foto de Carsten Meyer, mostrando tubarões mortos levados até a costa do Pacífico, no México, a milhares de quilômetros de distância dos principais consumidores de barbatanas de tubarões, na China.

Leia também: 

Concurso internacional premia as mais belas fotos de vida selvagem

Museu britânico expõe imagens premiadas de vida selvagem

Foto de cuco roubando ovo de rouxinol vence concurso

Veja todas as fotos de Ciência e Meio Ambiente

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas