Belga captura piranha amazônica em lago

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Peixe carnívoro da América do Sul foi capturado no norte da Bélgica; autoridades alertam sobre o perigo do descarte de espécies não nativas no ecossistema local

Reuters

Um pescador belga capturou uma piranha em um lago perto de sua casa, o que levou autoridades ambientais do país a alertarem contra o descarte de animais de estimação exóticos.

Bjorn Vancant, de 20 anos, capturou o peixe carnívoro da América do Sul quando pescava próximo a Mechelen, no norte da Bélgica.

Leia também:
Espécies invasoras 'globalizaram' a natureza, diz ONG
Plano de soltar lêmures em ilha caribenha gera bate-boca
Pesquisador sugere introduzir elefantes africanos na Austrália
Invasão de milhões de cobras venenosas ameaça fauna da ilha de Guam
Sementes levadas por turistas ameaçam ecossistema da Antártida

O grupo ambientalista Natuurpunt disse que a captura reforça os riscos da liberação de espécies não-nativas no ecossistema local, depois que sapos americanos e uma tartaruga de orelha vermelha também foram recentemente encontrados na Bélgica.

Leia mais: Mordida de piranha amazônica é pior que de tubarão, diz estudo

"É extremamente difícil impedir que essas criaturas se espalhem, especialmente aquelas que vivem em nossos cursos d'água", disse Griet Nijs, pesquisador da Natuurpunt.

Guardas-florestais foram instruídos a ficarem atentos para a eventual presença de mais piranhas no lago, mas o Natuurpunt disse que elas não devem se tornar residentes permanentes, uma vez que a água é muito fria no inverno.

Leia tudo sobre: piranhabélgicaespécies invasoras

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas