Copenhague é escolhida Capital Verde Europeia 2014

Cidade dinamarquesa desbancou concorrentes como Bristol na Inglaterra e Frankfurt na Alemanha

EFE |

EFE

Getty Images
Canal de Nyhavn em Copenhague, na Dinamarca. Cidade sucedeu Nantes como capital ambiental da Europa

A cidade dinamarquesa Copenhague foi escolhida nesta sexta-feira (29) pela Comissão Europeia como a Capital Verde Europeia 2014, em um ato realizado na cidade espanhola de Vitória, cidade que ostenta o titulo durante este ano.

O nome da sucessora de Nantes (França), cidade se tornará a capital ambiental da Europa em 2013, foi divulgado pelo comissário europeu do Meio Ambiente, Janez Potocnik, responsável por anunciar o veredicto do júri.

Infográfico: a cidade ideal

A capital dinamarquesa venceu o prêmio que disputava com cidades como Bristol (Inglaterra) e Frankfurt (Alemanha).

Copenhague tem 1,2 milhões de habitantes e em 2010 perdeu o prêmio na edição na qual Estocolmo foi a vencedora. Entre suas propostas ambientais está chegar em 2025 com emissões zero de CO 2 à atmosfera.

Megacidades: menos 1,3 bi de toneladas de gases de efeito estufa até 2030

Além de Potocnik, o evento de escolha da Capital Verde Europeia para 2014 teve a participação da presidente do Comitê das Regiões da UE, Mercedes Bresso; o ministro de Agricultura, Alimentação e Meio Ambiente, Miguel Arias Cañete; o lehendakari, Patxi López, e o prefeito de Vitoria, Javier Maroto, entre outros. 

Prefeito de Copenhagen anda de bicicleta em SP e fica com medo

Antes de ser divulgado o nome da nova "Capital Verde", López destacou que a cidade de Vitoria se transformou em uma "vitrine de sustentabilidade" para o País Basco e advertiu que neste momento de crise é preciso estabelecer que "toda política de crescimento deve ter o componente da sustentabilidade inserido em seu DNA". 

Enquanto isso, Cañete falou que a cidade escolhida deve ser uma "embaixadora do sistema sustentável" e servir de inspiração a outras localidades europeias.

A designação da nova Capital Verde Europeia encerrou um dia que começou com um ato de boas-vindas e seguiu com uma mesa-redonda com representantes de Estocolmo (Suécia) e Hamburgo (Alemanha), cidades que até agora desfrutaram, junto com Vitoria, do título de capitais verdes. Todas elas expuseram suas experiências e a vantagem competitiva que representa práticas de políticas que respeitem o meio ambiente. 

    Leia tudo sobre: copenhaguecidade idealcidadessustentabilidade

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG