Banco Mundial anuncia projeto para oceanos

Parceria Global para os Oceanos se inicia com 80 membros, entre países, empresas e organizações internacionais

Natasha Madov enviada ao Rio | - Atualizada às

O Banco Mundial aproveitou o dia temático dedicado aos oceanos na Rio+20 para anunciar um novo projeto global que pretende promover cooperações multilaterais para cuidar especificamente dos mares.

Com praticamente 90% dos estoques de pesca do mundo esgotados ou perto do esgotamento, e parte dos oceanos severamente ameaçado pela poluição, a instituição destinou dois milhões de dólares ao estabelecimento da Parceria Global para os Oceanos. Alguns dos países signatários da parceria, como Austrália e Noruega, também prometeram financiar a iniciativa.

São mais de 80 membros, entres países costeiros e insulares, grupos da sociedade civil, companhias privadas, instituições de pesquisa e organizações multilaterais.

Leia mais:
Cientistas pedem avanços em medidas de proteção à vida marinha
Austrália vai criar maior reserva marinha do planeta
ONU pede mais discussões sobre proteção dos oceanos na Rio+20
Cientistas defendem reservas naturais oceânicas itinerantes

"Sabemos que o estado atual dos oceanos não é de longe o que gostaríamos," afirmou Rachel Kyte, vice-presidente de Desenvolvimento Sustentável do Banco Mundial, durante a coletiva de imprensa que anunciou a parceria, que deve focar inicialmente no Oceano Pacífico.

Além da questão da poluição, existe uma potencial crise de abastecimento, com o esgotamento das reservas de pesca e o possibilidade de que técnicas de aquicultura não possam dar conta de toda a demanda global por frutos do mar.

A questão dos oceanos da Rio+20

Um dos temas chave do documento final da Rio+20, os oceanos ser uma das partes que estão mais avançadas na negociação entre as delegações. "Nós vimos o texto referente a oceanos, e ele está promissor", disse Árni Mathiesen, diretor geral assistente da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (na sigla em inglês, FAO).

    Leia tudo sobre: rio+20rio20

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG