Mais de 400 tartarugas encontradas em malas em Bangladesh

Algumas espécies encontradas nas malas estão ameaçadas de extinção e custam no mercado ilegal de animais até R$ 65 mil

BBC Brasil |

selo

AFP
As bagagens onde as tartarugas foram encontradas iam para Bangcoc
Autoridades aduaneiras de Bangladesh apreenderam mais de 400 tartarugas, encontradas em malas que tinham a Tailândia como destino.

Após uma denúncia, funcionários do aeroporto de Daca abriram a bagagem de dois passageiros que estavam voando para Bangcoc.

As tartarugas encontradas, algumas de espécies ameaçadas de extinção, tem valor estimado de US$ 35 mil (R$ 65 mil) no mercado negro, já que são populares como bichos de estimação e sua carne pode ser utilizada na medicina oriental.

Leia mais:
Zoológicos de NY protegerão tartarugas em risco de extinção
Estudo descobre porque as tartarugas variam tanto de tamanho
Tartarugas raras são 'tatuadas' para evitar tráfico
Tartarugas marinhas são ameaçadas por vírus raro
Ao migrar, tartarugas marinhas pegam mais poluição
Estudo redescobre tartaruga de Galápagos tida como extinta há 150 anos

Duas pessoas de nacionalidade indiana foram presas após o incidente.

Acredita-se que os animais tenham saído da Índia. Segundo ativistas, Daca tem sido cada vez mais usada como rota para o transporte ilegal de animais selvagens.

No ano passado, autoridades na Tailândia encontraram centenas de tartarugas e crocodilos em uma mala que chegou em um voo vindo de Bangladesh.

    Leia tudo sobre: tartarugasanimais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG