Gorila Idi Amin morre em zoológico de Belo Horizonte

Animal teve uma parada cardiorrespiratória na manhã desta quarta-feira. Resultado da necropsia deve sair em 30 dias

iG São Paulo |

AE
O gorila Idi Amin com uma de suas companheiras em setembro do ano passado
O gorila Idi Amim morreu de parada cardiorrespiratória hoje (7), às 11 horas, no zoológico de Belo Horizonte (MG). O animal, estrela do zoológico, ganhou fama por ser o único gorila macho da América do Sul e também por ter perdido a virgindade , já em idade avançada, no ano passado.  Idi Amin tinha 38 anos e nas últimas semanas vinha apresentando insuficiência renal crônica, além da osteoartrite, que estava sendo controlada já há alguns anos pela equipe de veterinários.

De acordo com o zoológico, ainda hoje será realizada a necropsia do animal. O resultado deverá ficar pronto em aproximadamente 30 dias.

Leia mais:
Solitário, gorila virgem ganha companheiras em Belo Horizonte
Estrela do zoológico de BH, Idi Amin se cortou e está com artrose

Idi Amin, que era da subespécie Gorila gorila gorila , chegou ao zoológico de Belo Horizonte em 1975, acompanhado de uma fêmea, de nome Dada. Os dois vieram do zoológico francês Saint-Jean-Cap-Ferrat, com aproximadamente dois anos de vida, mas Dada morreu em 1978 devido a uma infecção generalizada.

Em setembro do ano passado, Idi Amin ganhou a companhia de duas fêmeas vindas da Inglaterra - Imbi e Kifta, de 11 anos - após uma campanha que trouxe duas fêmeas. 

    Leia tudo sobre: gorilaidi aminzoológico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG