Fóssil do maior fêmur de dinossauro é descoberto na Espanha

Paleontólogos acreditam que osso de 1,92 metro de extensão possa ter pertencido a animal de 30 metros de comprimento

AFP |

AFP
Fóssil de fêmur de dinossauro encontrado na Espanha mede 1,92 metro de extensão
Um fóssil de fêmur de dinossauro de cerca de dois metros, o maior já descoberto até agora na Europa, foi encontrado numa escavação de Riodeva, perto de Teruel (leste da Espanha), anunciou nesta sexta-feira (24) a Fundação Dinópolis.

Segundo esta fundação encarregada da exploração da escavação, foi localizado um fêmur esquerdo de 1,92 metro de extensão, junto a uma tíbia de 1,25 metro e 15 vértebras.

Estes ossos podem ter pertencido a um dinossauro gigante de 40 toneladas e 30 metros de comprimento, o Turiasaurus riodevensis , descoberto pela primeira vez em 2004 na mesma escavação, explicou a fundação em um comunicado.

Estes novos fósseis, acrescentados aos já encontrados desde 2004, permitirão reconstruir o conjunto do esqueleto deste mastodonte que viveu há 145 milhões de anos.

Este anúncio chega duas semanas depois da descoberta na mesma região da Espanha de um novo tipo de dinossauro com corcunda e provavelmente dotado de "proto-plumas" nos antebraços (filamentos rígidos considerados predecessores das plumas), o Concavenator corcovatus .

Fóssil de dinossauro corcunda é descoberto na Espanha

Este último fóssil praticamente completo e único no mundo de um dinossauro carnívoro de 6 metros de comprimento foi descoberto na escavação de Los Hoyos perto de Cuenca, no leste da Espanha, por pesquisadores da Universidad Autônoma de Madri, que publicaram sua descoberta na revista Nature em 8 de setembro.

    Leia tudo sobre: fóssildinossauroEspanhacorcundafêmur

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG