Cientistas americanos criam roupa que pode escutar e emitir sons

O invento utiliza fibras que podem captar e monitorar funções corporais como o fluxo sanguíneo ou a pressão no cérebro

AFP |

Divulgação/MIT
Laboratório do Instituto de Tecnologia de Massachusetts cria fibras acústicas
Cientistas do Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) criaram uma roupa que é capaz de escutar e emitir sons. A equipe, liderada pelo professor do MIT, Yoel Fink, "alcançou um novo nível no desenvolvimento de fibras funcionais: fibras que podem detectar e produzir sons", disse o MIT em um comunicado.

Este invento, descrito na revista Nature Materials, transforma a natureza passiva usual dos tecidos em uma versão interativa.

Segundo o MIT, "estas aplicações incluem roupas que podem ter microfones sensíveis para captar a voz ou monitorar as funções corporais, e filamentos que podem medir o fluxo sanguíneo ou a pressão no cérebro".

Este projeto que demorou mais de uma década para ser concluído pretende "desenvolver fibras com propriedades cada vez mais sofisticadas que possam interagir com o meio ambiente", destacou o MIT.

    Leia tudo sobre: Roupasfibras funcionaissom

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG