Cérebro de chimpanzés ao nascer é imaturo como o de bebês humanos

Estudo mostrou que, no entanto, filhotes de chimpanzés não apresentam a mesma rapidez de humanos no desenvolvimento cerebral

iG São Paulo |

AFP
Bebês chimpanzé: ponto de partida cerebral igual ao dos humanos
Chimpanzés, assim como humanos, nascem com partes do cérebro - no caso, o encéfalo frontal - ainda não desenvolvidos completamente. Esta área está ligada a funções como tomadas de decisão e autoconhecimento e criatividade. No entanto, ao contrário dos seres humanos, filhotes de chimpanzés não apresentam o rápido desenvolvimento de massa branca na mesma região do cérebro.

Leia mais:
Chimpanzés brincam como crianças humanas

Chimpanzés gostam de ajudar os demais, conclui estudo
Baleias, mais próximas dos seres humanos do que se acreditava

O estudo da Universidade de Kyoto, no Japão, é o primeiro a acompanhar o desenvolvimento cerebral dos chimpanzés e compará-lo com o dos humanos. A equipe de pesquisadores analisou imagens de ressonância magnética do cérebro de três chimpanzés de idades entre seis meses e seis anos.

Os cientistas também puderam notar que tanto humanos quanto chimpanzés têm relacionamento próximo entre crianças e adultos, expressados por sorrisos e olhares mútuos.

“Uma das mudanças evolucionárias mais marcantes no homem em relação à cognição é justamente a ampliação do córtex pré-frontal”, disse Tetsuro Matsuzawa, da universidade de Kyoto e autor do estudo publicado no periódico científico Cell. “Esta é também uma das ultimas regiões a se desenvolver no cérebro”, disse.

Esta demora no desenvolvimento tanto em humanos quanto em chipanzés propicia um prolongado período de plasticidade no cérebro que permite que ele desenvolva interações sociais complexas, conhecimento e habilidade moldada por experiências, afirma os cientistas.

    Leia tudo sobre: animaiscérebro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG