Telescópio Hubble captou, em junho, imagem da menor lua do planeta anão

Duas imagens, tiradas pelo Hubble em 28 de junho e 3 de julho, mostram a lua P4 ao redor de Plutão
NASA, ESA, and M. Showalter
Duas imagens, tiradas pelo Hubble em 28 de junho e 3 de julho, mostram a lua P4 ao redor de Plutão
O distante planeta anão Plutão escondeu até agora uma quarta lua. A agência espacial americana divulgou nesta quarta-feira (20) que o telescópio Hubble encontrou mais uma lua ao redor de Plutão, que está a 4800 milhões quilômetros da Terra. Recentemente, Plutão foi rebaixado da categoria de planeta para planeta anão.

Por enquanto, a nova lua - a menor de todas, com diâmetro entre 13 e 33 quilômetros - vai ser chamada de P4. Ela é 80 vezes menor que Charon, a maior lua de Plutão com 1.043 quilômetros de diâmetro. As outras duas luas, Nix e Hydra, medem entre 32 to 113 quilômetros.

A quarta lua descoberta enquanto astrônomos investigavam a possibilidade do planeta anão ter um anel (como o de Saturno), mas eles encontraram outro objeto circulando por Plutão.

P4 foi visto pela primeira vez em uma foto tirada pelo Hubble em 28 de junho. A descoberta foi confirmada em imagens de 3 de julho e 18 de julho. A quarta lua de Plutão não havia sido vista em imagens anteriores do telescópio pois elas tinham tempo de exposição mais curto. Uma imagem tirada em 2006 captou uma mancha muito fraca, que foi ignorada por estar muito escura.

Acredita-se que o sistema lunar de Plutão tenha sido formado por uma colisão entre o planeta anão e outro corpo celeste de mesmo tamanho, no início da história do sistema solar. O choque arremessou material que se uniram para a família de satélites observados em torno de Plutão.

(Com informações da AP)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.