Astronautas regulam parcialmente sistema de refrigeração da ISS

A Nasa reconheceu que a operação de hoje foi uma das mais complicadas da história da Estação Espacial Internacional (ISS)

EFE |



Os astronautas americanos Doug Wheelock e Tracy Caldwell Dyson conseguiram desativar hoje (11/08) uma das duas bombas danificadas do sistema de refrigeração da Estação Espacial Internacional (ISS), tal como informou a Nasa.

Em uma complexa operação, Wheelock e Caldwell tiveram de recorrer à força para desligar uma tubulação que perdia amoníaco desde a última caminhada no espaço, feita no sábado passado.

Os astronautas, então, desligaram cinco cabos elétricos e retiraram os quatro dispositivos de desligamento rápido que ligavam a bomba ao módulo da estação.

Agora, o módulo terá de ser levado à plataforma para urgente reparação, já que há 11 dias a Estação conta com apenas um módulo de refrigeração, crucial para o funcionamento dos equipamentos eletrônicos.

Uma vez reparado, o módulo deve ser instalado novamente, para o que será necessário que os astronautas se aventurem em uma nova caminhada no espaço.

Após ordenar todas as tentativas de reparar, de dentro da plataforma, o módulo danificado, a agência espacial americana tomou a decisão de fazer uma caminhada no espaço para corrigir o problema.

A Nasa reconheceu que a operação de hoje era uma das mais complicadas da história da ISS, mas negou que a vida dos tripulantes da plataforma corra perigo por estar com apenas um módulo de refrigeração.

    Leia tudo sobre: astronautaissespaço

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG