Robô falante fornecerá ajuda técnica e será fonte de entretenimento para astronautas da ISS; ele será enviado junto de geofísico entre junho e outubro

Cimon é um robô flutuante e falante, que fornecerá ajuda técnica, vigiando e alertando sobre problemas no sistema da ISS
Reprodução/Airbus
Cimon é um robô flutuante e falante, que fornecerá ajuda técnica, vigiando e alertando sobre problemas no sistema da ISS

Astronautas que estão a bordo da Estação Espacial Internacional ( ISS ) receberão um novo passageiro no final deste ano. Trata-se de Cimon, um robô flutuante e falante, que fornecerá ajuda técnica, vigiando e alertando sobre problemas no sistema operacional da estação.

Leia também: Cientistas criam "traje feliz" para ajudar na saúde mental dos astronautas

 O robô desenvolvido pela Airbus e pela International Business Machines (IBM) possui formato esférico, além de uma tela central que mostra um “rosto sorridente”, também servindo como fonte de entretenimento. De acordo com a Crew Interactive Mobile Companion , Cimon foi projetado para flutuar e voar ao redor da ISS, sendo programado com música e vocabulário e mais de mil frases.

O novo robô e missões

Com inteligência artificial limitada, a esfera voadora, que faz uso de propulsores orientados por hélice, pesa 5 kg e será enviada junto do geofísico alemão Alexander Gerst, que será responsável por monitorar seu funcionamento e testar suas habilidades.

Sendo parte de um experimento que visa identificar como homem e máquina trabalham em equipe, o robô reconhecerá a voz e o rosto de Gerst, além de ajudá-lo a se entreter, tocando as músicas favoritas do estudioso. 

Leia também: Caramujo é visto devorando caravela-portuguesa em vídeo impressionante; assista

Ambos trabalharão juntos em um teste inicial, em que precisarão resolver um quebra-cabeça, um cubo mágico e uma tarefa médica, sendo que o robô atuará como uma espécie de assistente pessoal, gravando toda a ação.

"Queremos estudar os efeitos psicológicos das missões espaciais nos membros da tripulação, com a execução de medidas adequadas para reduzir o estresse. Por isso, será de extrema importância evidenciarmos como os astronautas se comportam e interagem, principalmente com máquinas desse tipo", expôs o líder do projeto, Till Eisenberg, ao Daily Mail .

L eia também: Alto nível de dióxido de carbono está derretendo criaturas marinhas na Escócia

O cientista informa que Cimon e Dr. Gerst serão mandados para ISS durante a missão Horizon da Agência Espacial Europeia (ESA), entre junho e outubro. Vale mencionar que um voo operado pela Agência Espacial Alemã (DLR) contará com a participação do robô no próximo mês. Pesquisadores preveem que, futuramente, ele ganhe braços mecânicos, ponteiros a laser e uma tecnologia que o permitirá desvendar o humor dos viajantes espaciais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.