Besouro com GPS no chifre e água-viva transmissora de dados estão entre as criaturas alteradas pela obra de Vincent Fournier

BBC

O artista francês Vincent Fournier misturou ficção e biologia sintética para criar uma série de "criaturas do futuro" modificadas pelo homem.

Dia 8: Cientistas descobrem possível antepassado do Tiranossauro Rex na Venezuela

Veja: Minoria, grupo de zebras briga para se impor em mar de gnus na África

Entre elas estão um besouro com um GPS no chifre, uma água-viva transmissora de dados e uma coruja com penas que repelem predadores.

"Gosto de brincar com a ideia de um arquivo verdadeiro ou falso, como um livro de Jorge Luis Borges, com várias camadas de realidade", disse Fournier.

A exposição "História Pós-Natural", de Vincent Fournier está no Centro de Arte Contemporânea em Pontmain, França, até 30 de novembro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.