Fenômeno, que ocorreu em outras duas ocasiões em 2014, é quando a Lua registra sua maior aproximação do planeta Terra

O mundo inteiro parou para ver e se maravilhar com a última superlua do ano, na noite desta segunda-feira (8). O fenômeno, que ocorreu em outras duas ocasiões em 2014, é quando a Lua registra sua maior aproximação da Terra, deixando-a mais brilhante e aparentemente maior para quem a observa.

Veja fotos da superlua nos céus do Brasil e do mundo:

Durante a superlua, o satélite do planeta Terra parece ser até 14% maior e 30% mais brilhante do que normalmente. O fenômeno ocorreu anteriormente há menos de um mês, no dia 10 de agosto. No entanto, não pense que em breve será possível conferi-lo novamente.

A previsão é de que a superlua só volte a ocorrer de novo em 28 de setembro. Ou seja, vale a pena olhar para o céu nem que seja por um segundinho. Afinal, depois desta segunda, só no último mês do terceiro trimestre do ano que vem. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.