Confira imagens da 'Superlua' pelo mundo

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Fenômeno astronômico no qual a Lua fica mais próxima da Terra ocorre, aproximadamente, a cada 13 meses

Lua cheia é vista da região da Lapa, zona oeste de São Paulo (SP), neste sábado (12). Foto: André Lucas Almeida/Futura PressLua cheia é vista no Rio de Janeiro (Imagem: Michael Dalder). Foto: ReutersA Superlua vista próxima a uma das torres mais altas do Japão, a Tokyo Sky Tree, que tem 634 metros (Imagem: Yuya Shino). Foto: ReutersFenônemo também foi visto nos céus de Nova Iorque (Imagem: Carlo Aleggri). Foto: ReutersNova iorquinos enxergam a Superlua em ponte de Manhattan (Imagem: Carlo Aleggri). Foto: ReutersMulher fotografa Superlua em Nova Iorque (Imagem: Gene Blevins). Foto: ReutersA Superlua nos céus de Las Vegas, nos Estados Unidos (Imagem: Gene Blevins). Foto: ReutersSuperlua em Las Vegas (Imagem: Gene Blevins). Foto: ReutersFenômeno visualizado em Cádis, na Espanha (Imagem: Jon Nazca). Foto: ReutersA Superlua em Nova Iorque (Imagem: Carlo Aleggri). Foto: Reuters

A Lua fica maior e mais brilhante. Essas são as características mais marcantes do fenômeno conhecido como Superlua. Também conhecida como Lua cheia do perigeu, a Superlua acontece, aproximadamente, a cada 13 meses. O fenômeno faz com que o único satélite natural da Terra pareça cerca de 15% maior em relação ao nosso planeta.

Veja também:
Mistério de 'ilha mágica' em lua de Saturno intriga astrônomos
Confira imagens da Superlua em 2013

Como a órbita da lua em torno da Terra não é como um círculo, e sim uma elipse, isso faz com que existam variações de momentos em que a Lua está mais distante da terra (apogeu) e aqueles quando ela está próxima de nós (perigeu). Assim, o fenômeno da Superlua ocorre quando esta aproximação coincide com a fase da lua cheia.

Leia tudo sobre: superlualuaastronomia

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas