Mistério de babuínos paralisados intriga zoológico holandês

Por BBC | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Grupo de cem animais passou dias parado, sem se alimentar; ainda não se sabe o motivo do comportamento

BBC

Funcionários de um zoológico na Holanda estão tentando descobrir o que fez com que seu grupo de mais de cem babuínos permanecesse paralisado durante dias na área destinada a eles.

Leia também: Fêmea de babuíno da Etiópia aborta filhote para evitar violência

Emmen zoo
Subir em árvores é um comportamento incomum entre babuínos, diz biólogo

O comportamento estranho dos animais teve início no começo da noite de segunda-feira, com os babuínos sentados juntos, encostados uns nos outros e comendo pouco. Só nesta sexta-feira os 112 animais voltaram ao normal, segundo um biólogo no Zoológico de Emmen.

O zoológico ainda não sabe o que assustou tanto os babuínos-sagrados (ou hamadryas), mas os funcionários afirmam que já é um bom sinal o fato de os animais terem voltado a se alimentar de maçãs e a se movimentar.

"O que os assustou? Não sabemos, é um mistério. Há muitas possibilidades - um terremoto, cobras que fugiram, alienígenas, trovão", disse à BBC Wijbren Landman, biólogo do zoo.

"Os outros animais estão bem. (Os babuínos) têm lêmures, elefantes e cangurus como vizinhos, e estes não mostraram sinais de pânico", acrescentou.

Predadores
Landman disse que consultou um especialista francês que já testemunhou esse tipo de histeria entre babuínos soltos na natureza, desencadeada quando eles notam que há um predador nas proximidades.

Mas, o especialista afirmou que nunca viu esse comportamento por um período tão prolongado como o observado no Zoológico de Emmen.

"A primeira anomalia foi observada na noite de segunda-feira. Íamos levá-los para o anexo noturno, algo que dura geralmente um minuto, mas precisamos de uma hora para colocar todos lá dentro", disse o biólogo.

Leia outra notícia sobre babuínos:
Babuínos conseguem reconhecer palavras
Especialistas acreditam que babuínos são capazes de estabelecer analogias
Estudo com babuínos mostra que é estressante ser líder

"Então, na manhã seguinte, foi uma dificuldade tirá-los de lá. E, imediatamente depois, eles sentaram nas árvores e nas rochas e não fizeram mais nada."

Landman disse que alguns machos, que ocupam um posto mais alto na hierarquia do grupo, devem ter ficado assustados por alguma razão e os demais babuínos seguiram os líderes.

Segundo Landman, é improvável que eles tenham ficado assustados devido à presença de uma raposa, pois o zoológico fica no centro da cidade. E eles também estão acostumados a ver garças voando por cima de seu cercado, então não seria possível que uma ave de rapina tenha deixado os animais em pânico.

O Zoológico de Emmen fica no nordeste da Holanda, perto da fronteira com a Alemanha.

Os funcionários já observaram episódios parecidos em 1994, 1997 e em 2007 e afirmam que alguns dos babuínos - que chegam aos 30 anos de idade - podem ter passado pelas experiências de pânico anteriores.

Leia tudo sobre: babuínosmistériozoológicocativeiro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas