Filhos dos Medici tiveram raquitismo

Por The New York Times |

compartilhe

Tamanho do texto

Hábito de alimentar crianças até dois anos apenas com leite materno e pouca exposição ao sol explicam doença na poderosa família italiana

Os ricos são diferentes de você e de mim, escreveu F. Scott Fitzgerald uma vez. Entretanto, de acordo com um novo estudo publicado no periódico The International Journal of Osteoarchaeology, os filhos dos Medici, uma das famílias mais ricas da História, podem ter sofrido de raquitismo, uma doença tipicamente associada a uma alimentação pobre e a condições de vida precárias. O curioso é que a riqueza da família pode ter ocasionado isso.

Uma equipe de pesquisadores italianos encontrou evidências da doença no esqueleto de nove filhos dos Medici do século 16. Vários dos esqueletos eram curvados nos braços e ossos da perna – um indicativo de andar ou engatinhar sobre ossos moles. Um deles tinha o crânio deformado.

Getty Images
Estudo descobriu que filhos de poderosa família do século 16 tiveram raquitismo, doença associada à pobreza. Tela de Henri de Bourbon retrata casamento da época

O raquitismo é causado por uma deficiência de vitamina D, o que torna os ossos macios ou mal-formados. Em crianças pobres, a doença muitas vezes resulta da desnutrição ou da falta de exposição a luz solar, por viver em locais apertados em cidades poluídas.

Leia mais: 
Ingestão diária de vitamina D pode evitar doenças graves
Cuidados com a saúde dos ossos dos 20 aos 50 anos

Mas uma análise dos isótopos de nitrogênio no colágeno ósseo, o que indica a principal fonte de proteína da alimentação, sugere que os pequenos Medici foram alimentados com leite materno – um alimento pobre em vitamina D – até os 2 anos de idade. E assumindo que os Medici seguiram o costume da época, eles teriam completado a alimentação com leite materno somente com pão e maçãs, que não contêm muito desse nutriente.

Os pesquisadores disseram que as crianças provavelmente foram privadas de luz solar, que estimula o organismo a produzir vitamina D. Crianças ricas daquela época eram muitas vezes bem enroladas em roupas e permaneciam em locais fechados. Os banhos de sol eram uma prática desencorajada, por serem um sinal de pouco prestígio.

Leia mais notícias de ciência

Leia tudo sobre: históriaraquitismo

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas