Telescópio capta nova imagem da constelação de Orion

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Imagem captada pelo Observatório Europeu do Sul mostra nuvens de poeira cósmica

ESO
Nova imagem mostra a beleza das nuvens de poeira cósmica na região de Orion

Nova imagem obtida pelo telescópio APEX, do Observatório Europeu do Sul, no Chile, mostra as nuvens de poeira cósmica na região de Orion. Embora estas nuvens densas interestelares pareçam escuras é possível detectar o calor emitido pelos grãos de poeira e revelar os locais secretos onde novas estrelas estão se formando.

Veja imagens do espaço

Situado na constelação de Orion, a 1500 anos-luz de distância da Terra, o Complexo da Nuvem Molecular de Orion é a região mais próxima da Terra onde se formam estrelas em grande número, contendo, uma infinidade de nebulosas brilhantes, nuvens escuras e estrelas jovens. A nova imagem mostra apenas parte deste vasto complexo.

Leia também:
Satélite capta a maior galáxia em espiral já registrada
Teorias astronômicas tentam explicar Estrela de Belém

A região brilhante por baixo do centro da imagem é a nebulosa NGC 1999. Esta região é o que os astrônomos chamam uma nebulosa de reflexão, onde o brilho azul pálido da radiação estelar de fundo é refletido pelas nuvens de poeira. A nebulosa é iluminada, principalmente, pela radiação energética emitida pela jovem estrela V380 Orionis.

Leia tudo sobre: espaçoconstelaçãoorion

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas