Cinzas de Neil Armstrong são espalhadas no Oceano Atlântico

Cerimônia privada ocorreu a bordo do porta-aviões USS Philippine Sea da Marinha dos Estados Unidos

EFE |

EFE

As cinzas do lendário astronauta americano Neil Armstrong foram espalhadas nesta sexta-feira no Oceano Atlântico após uma cerimônia privada a bordo do porta-aviões USS Philippine Sea da Marinha dos Estados Unidos.

Nasa faz funeral público para Neil Armstrong em Washington

Armstrong diz que havia apenas 50% de chance de pousar na Lua


A cerimônia contou com a participação da viúva de Armstrong, Carol, informou a Nasa (agência espacial americana).

Armstrong, que fez história ao ser o primeiro homem a pisar na Lua no dia 20 de julho de 1969 na missão Apolo 11 com apenas 38 anos de idade, morreu no último dia 25 de agosto aos 82 anos, em consequência das complicações de uma cirurgia cardiovascular.

O astronauta foi aviador da Marinha dos EUA entre 1949 e 1952, onde participou de 78 missões de combate durante a guerra com a Coreia, antes de fazer história na prospecção espacial.

A cerimônia de hoje em ultramar esteve precedida por um ato religioso que a Nasa celebrou na quinta-feira em honra a Armstrong na Catedral de Washington, na qual participaram centenas de líderes políticos e comunitários, assim como astronautas aposentados e na ativa, e seus familiares. 

    Leia tudo sobre: Neil Armstrongnasaastronautalua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG