Cientistas desenvolveram uma complicada fórmula matemática para a construção de castelos de areia estáveis e duradouros

AFP

O artista norte-americano Rich Farano constrói um castelo de areia em Noordwijk, Holanda
EFE/Olaf Kraak
O artista norte-americano Rich Farano constrói um castelo de areia em Noordwijk, Holanda

A receita para fazer um castelo de areia perfeito depende de uma proporção delicada de 99% de areia e 1% de água, garantem físicos autores de um estudo que deu um novo significado à popular brincadeira infantil.

Cientistas de Paris e Amsterdã levaram duas horas erguendo colunas feitas com areia da praia em seus laboratórios para alcançar uma complicada fórmula matemática para um castelo de areia estável e duradouro.

Eles concluíram que não é necessário usar muita água, apenas o suficiente para formar pequenas "pontes" entre os grãos de areia, fazendo com que fiquem unidos.

"Se for usada esta concentração ideal, podem ser construídos castelos de areia com cinco metros de altura", destacaram os físicos em um comunicado sobre o estudo que levou a brincadeira de criança às páginas do periódico Nature Scientific Reports.

Leia também:
Físicos descobrem por que bicicletas conseguem andar sem ciclista
Físicos afirmam que capa do Batman o faria se espatifar no chão

A fórmula também estabelece a proporção desejada entre altura e diâmetro da base e a força de compactação da areia.

As descobertas são de interesse da engenharia civil e da mecânica de solos, áreas que trabalham com a estabilidade estrutural, afirmaram os cientistas.

"Além disso, explica a altura máxima possível e nos dá uma receita para construir o castelo de areia perfeito", concluíram.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.