China quer pousar sonda na Lua em 2013

Programa espacial chinês quer priorizar pesquisas sobre a superfície lunar já no ano que vem

Reuters | - Atualizada às

Reuters

A China pretende realizar em 2013 o pouso da sua primeira sonda na lua, disse a imprensa estatal na segunda-feira (30), em mais um passo de um ambicioso programa espacial que inclui também a construção de uma estação orbital.

Leia também:
Nave espacial com a primeira astronauta chinesa retorna à Terra
China lança o primeiro módulo de sua estação espacial
China coloca Lua nas prioridades do seu programa espacial

Em 2007, a China lançou sua primeira sonda lunar orbital, a Chang'e 1, cujo nome alude a uma deusa da lua. Esse equipamento recolheu imagens da superfície e analisou a distribuição de elementos.

Esse lançamento marcou o primeiro de três passos no programa lunar chinês. Em seguida virão uma missão não-tripulada ao satélite, e em seguida a coleta de amostras do solo e das pedras lunares, por volta de 2017.

A agência estatal China News Service disse, sem entrar em detalhes, que a sonda Chang'e 3 irá realizar pesquisas sobre a superfície lunar no ano que vem.

Cientistas chineses também cogitam a hipótese de levar uma tripulação à lua após 2020.

O programa espacial da China ainda está muito atrás dos EUA e da Rússia, mas no mês passado o país encerrou um voo tripulado, da nave Shenzhou 9, que levou a primeira mulher chinesa ao espaço , além de testar métodos de atracação que serão importantes na futura estação espacial.

    Leia tudo sobre: espaçochinalua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG