Cápsula Dragon se aproxima da Estação Espacial internacional

Primeira nave espacial comercial da história leva mantimentos para astronautas na ISS

iG São Paulo |

O veículo de carga Dragon efetuou nesta quinta-feira (24) sua primeira aproximação da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês), preparando-se para o primeiro atraque de uma nave privada na plataforma que orbita a cerca de 385 quilômetros da Terra.

A empresa Space Exploration Technologies (SpaceX), que lançou a Dragon com sucesso na terça-feira , informou que aproximadamente às 05h30 (de Brasília) o veículo não-tripulado navegava a 2,5 quilômetros da ISS.

Entenda:

Como voa um ônibus espacial
Conheça os ônibus espaciais

A cápsula leva cerca de 550 quilos de alimentos, água, roupas e outros suprimentos para os astronautas. Ela deve partir da estação trazendo equipamentos, no dia 31, com previsão de cair no mar, perto da Califórnia, quatro horas e meia depois.

Enquanto a Dragon continuava sua aproximação à ISS, o presidente dos EUA, Barack Obama, enviou uma mensagem via Twitter ao executivo principal da SpaceX, Elon Musk, felicitando-lhe pelo sucesso desta primeira missão.

Leia mais:
Após 3 décadas, Nasa define destino final dos ônibus espaciais
Cronologia: os 30 anos do ônibus espacial
Por que os ônibus espaciais foram aposentados?
Ônibus espacial transporta experimento de brasileiro

A aproximação desta madrugada teve o propósito de testar os sistemas de navegação e comunicações que operarão amanhã quando a Dragon tentar o acoplamento com a ISS, um projeto de US$ 100 bilhões no qual participam 16 nações.

Para testar as comunicações entre a ISS e a Dragon, os astronautas no posto orbital enviaram sinais que acenderam uma luz estroboscópica no exterior da cápsula, a fim de determinar se responderá às ordens mais importantes como a de retirar-se ou suspender o acoplamento.

Leia também:
Corrida espacial muda de foco e gera negócios

Nasa contrata empresas para desenvolver táxi espacial comercial
Nasa quer "táxis" para a Estação Espacial
Vídeo: empresas particulares iniciam 'nova era espacial'

Concluída essa parte das provas, a Dragon efetuará uma pirueta em torno da ISS e se aproximará o suficiente da estação para que amanhã, o braço robótico do posto orbital a capture e a atraia até o ponto de atraque.

Táxis espaciais
A missão é parte dos esforços da Nasa para terceirizar o envio de suprimentos e astronautas ao espaço . Hoje, só a Rússia tem condições de levar tripulantes à estação.

A SpaceX e sua concorrente Orbital Sciences já assinaram contratos no valor de 3,5 bilhões de dólares para realizar voos de carga para a estação até 2015.

Um ponto mais polêmico da iniciativa espacial do governo é o desenvolvimento de "táxis espaciais" que levem astronautas. A iniciativa, criticada por personalidades como Neil Armstrong, primeiro homem a pisar na Lua, pode ganhar impulso depois do sucesso inicial da nave da SpaceX.

(Com informações da Reuters e EFE)

    Leia tudo sobre: espaçonasaspacexiss

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG