Telescópio capta aglomerado de estrelas dentro de aglomerado

Estrutura tem cerca de cem de estrelas e vai ajudar astrônomos a entender como aglomerados são formados

iG São Paulo |

ESO/Joseph DePasquale
Observatório Espacial do Sul (ESO, da sigla em inglês) capturou a imagem do aglomerado NGC 6604

Imagem captada pelo Wide Field Imager do telescópio de la Silla, no Chile, mostra o aglomerado estelar NGC 6604 (acima a esquerda) no meio de uma paisagem de nuvens de gás e poeira. A figura também mostra a nebulosa Sh2-54 associada ao aglomerado - uma nuvem brilhante de gás hidrogênio.

A formação, que está a cerca de 5500 anos-luz de distância na constelação da Serpente, tem cerca de uma centena de estrelas brilhantes azuis-esbranquiçadas.

Veja últimas fotografias divulgadas pela agências espaciais

Além da estética, existem outras razões para os astrônomos observarem NGC 6604, tais como a estranha coluna de gás quente ionizado que emana dele. Colunas de gás quente semelhantes, que canalizam o material para fora dos aglomerados estelares jovens, foram igualmente encontradas em outros locais da Via Láctea e também em outras galáxias.

Leia mais:
Fenômeno espacial 'estranho' é revelado por astrônomos do Brasil
Astrônomos descobrem "El Gordo", o maior aglomerado de galáxias longínquo
Astrônomos descobrem estrelas nascidas logo após o Big Bang
Telescópio detecta 96 novos aglomerados estelares
Astrônomos afirmam ter descoberto galáxia mais distante

De acordo com os astrônomos, a proximidade do aglomerado e NGC 6604 permite um estudo detalhado destas estruturas.

    Leia tudo sobre: espaçoaglomeradofotos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG