Terminam buscas de desaparecidos depois de fortes chuvas em Alagoas

Autoridades dizem que todas as áreas foram checadas e equipes de outros Estados voltarão para casa

EFE |

As buscas de 69 desaparecidos nas fortes chuvas e inundações no estado de Alagoas foram concluídas hoje pela Defesa Civil, informaram fontes oficiais.

As autoridades regionais informaram que as buscas que começaram no dia 19 de junho foram realizadas em todas as áreas, incluindo os leitos dos rios e lagos nos quais desembocam, e que as equipes de socorro enviadas pelos estados de Sergipe, São Paulo e Rio de Janeiro se retiraram ontem das cidades afetadas. No entanto, os bombeiros de Alagoas seguirão nos trabalhos de busca em alguns municípios afetados pelas enchentes, que deixaram 37 mortos no estado e pelo menos 14 em Pernambuco.

Em Alagoas, mais de 73 mil pessoas estão fora de casa, desabrigadas ou desalojadas, devido às enxurradas. Quinze municípios decretaram estado de calamidade pública. A Defesa Civil do Estado declarou que seguirá recebendo doações para os desabrigados e pediu, sobretudo, colchões, lençóis, material de higiene pessoal, água e fraldas descartáveis.

A secretaria de Saúde estadual vai convocar, em caráter de urgência, médicos, enfermeiros e técnicos em enfermagem para trabalharem como voluntários nos hospitais móveis que estão sendo montados nas cidades de Santana do Mundaú e Branquinha. Os profissionais vão substituir as equipes dos hospitais de campanha do Exército, que vão deixar o estado na próxima sexta-feira (9).

*Com EFE e Agência Brasil

    Leia tudo sobre: chuvasnordestealagoas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG