Sobe para 41 o número de mortos por causa das chuvas no Nordeste

Mais três corpos foram encontrados na manhã desta terça-feira em Alagoas, elevando para 29 os mortos no Estado

iG São Paulo |

nullSubiu para 41 o número de mortos em razão das chuvas que atingem os Estados de Pernambuco e Alagoas desde a última quinta-feira, dia 17. De acordo com a coordenadoria da Defesa Civil de Alagoas, três corpos ainda não identificados foram encontrados na manhã desta terça-feira no município de Branquinha, a cerca de 65 km da capital. Com isso, chegam a 29 os mortos no Estado. Outras 12 mortes foram registradas em Pernambuco.

Segundo o último levantamento da Defesa Civil de Alagoas, pelo menos 26.141 pessoas estão desabrigadas e precisam contar com o auxílio do Governo. O órgão procura ainda 607 desaparecidos, sendo que 500 são do município de União dos Palmares, um dos mais afetado pelos temporais.

As cidades que registram o maior número de desabrigados são: União dos Palmares (9 mil), Murici (5 mil), Rio Largo (2 mil) e Viçosa (1,2 mil). A situação é de caos em Alagoas e, além dos mortos, há ainda 800 pessoas feridas por conta de deslizamentos de terra e enchentes.

nullOs alagamentos também prejudicam o abastecimento de água já que, conforme a Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), as cheias do fim de semana inundaram as unidades de captação, tratamento e distribuição de água. A Defesa Civil dos Estados pede a colaboração e solidariedade daqueles que não foram atingidos pelas chuvas para que doem, principalmente, alimentos, roupas, produtos de limpeza e higiene. Saiba aqui como doar

Pernambuco

De acordo com a Defesa Civil de Pernambuco, pelo menos 49 cidades foram atingidas pelas chuvas, sendo que 13 decretaram estado de emergência, entre elas Cortês, Barra de Guabiraba, Palmares, Maraial e Vitória de Santo Antão. Há 17.719 pessoas desabrigadas e outras 24.331 estão desalojadas e morando temporariamente na casa de amigos e parentes. Ainda não há um número oficial de desaparecidos.

FGTS

Na tarde de segunda-feira, durante a 4ª Conferência Nacional das Cidades, em Brasília, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou que irá liberar o saque do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para as vítimas , assim como foi feito com os Estados de Santa Catarina e Rio de Janeiro, que tiveram municípios atingidos por enchentes. “Vamos fazer com a mesma rapidez que fizemos para Santa Catarina e para o Rio de Janeiro, inclusive liberar o Fundo de Garantia daqueles que tiverem o direito e tenham sido atingidos pelas enchentes”, afirmou o presidente.

FOTOS DA DESTRUIÇÃO EM ALAGOAS

VEJA TAMBÉM: FOTOS DA DESTRUIÇÃO EM PERNAMBUCO

    Leia tudo sobre: chuvasalagoaspernambucomortosdestruição

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG