Zoológico do Rio de Janeiro é condenado por pedra atirada por chimpanzé

RIO DE JANEIRO ¿ A Fundação Jardim Zoológico da Cidade do Rio de Janeiro (Rio Zoo) foi condenada pelo Tribunal de Justiça a indenizar uma visitante em R$ 5 mil, a título de danos morais, por um acidente causado por um chimpanzé. Rejane Viana de Olímpio relatou que estava no parque quando foi acertada por uma pedra arremessada pelo animal, provocando um ferimento na sua testa com a necessidade de atendimento hospitalar.

Redação |

A autora da ação afirmou que, apesar de não ter causado a revolta no chimpanzé, ela foi exposta a uma situação vergonhosa pela Fundação Rio Zoo. Segundo Rejane, a direção do zoológico alegou em uma matéria jornalística que a visitante ferida estava entre as pessoas que agitavam os animais e que ela seria convidada a voltar ao local para receber aulas de educação ambiental.

A desembargadora Conceição Mousnier, da 20ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, destacou em sua decisão que compulsando os presentes autos constata-se que em nenhum momento a parte ré comprovou ter a parte autora contribuído para o evento danoso sub judice, ônus que lhe competia por expressa previsão legal e do qual não se desincumbiu.

Leia mais sobre: danos morais

    Leia tudo sobre: chimpanzeschipanzédanos moraiszoológico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG