Zimmermann cobra providências para reduzir blecautes

O novo ministro de Minas e Energia, Márcio Zimmermann, assumiu hoje o cargo cobrando providências das distribuidoras de energia elétrica e da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para diminuir a quantidade de blecautes no País. Neste verão, foram recorrentes os apagões, principalmente, no Rio de Janeiro, São Paulo e em Brasília.

Agência Estado |

"Temos uma preocupação importantíssima com a área de distribuição", disse Zimmermann, acrescentando que o órgão regulador do setor, a Aneel, tem um papel importante para garantir que as distribuidoras honrem seus contratos de concessão. "Temos o desafio em diversos lugares de manter a qualidade dos serviços que a população exige. A Agência tem que se aperfeiçoar no papel de regulador, atuando na mediação, regulação e fiscalização", disse.

Para Zimmermann, as empresas também têm o seu papel, cabendo a elas honrar os contratos de concessão e as necessidades de investimento. "O governo tem o grande desafio de não deixar cair o nível da qualidade de atendimento nas diversas áreas de distribuição", disse.

O ministro acrescentou que vai procurar a Aneel e empresas do setor para tentar resolver a situação.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG