Zelaya discutirá situação de Honduras com Lula em Brasília

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente deposto de Honduras, Manuel Zelaya, discutirá na quarta-feira a situação de seu país com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, informou o Itamaraty nesta terça-feira. Ao anunciar o encontro, o Ministério de Relações Exteriores reiterou a condenação do governo brasileiro ao golpe que derrubou Zelaya e insistiu que o presidente seja reempossado de maneira incondicional e no prazo mais breve possível.

Reuters |

Zelaya chegará a Brasília na noite desta terça-feira e se reunirá com Lula na tarde de quarta-feira, disse uma fonte do governo que pediu para não ser identificada.

Desde que foi deposto por militares e enviado a Costa Rica em 28 de junho, Zelaya tem tentado retornar ao seu país.

Embora o golpe tenha sido condenado por todo o continente e por organismos internacionais como a Organização das Nações Unidas e a Organização dos Estados Americanos, o governo de facto liderado pelo presidente Roberto Micheletti não cedeu às pressões crescentes para permitir o retorno de Zelaya.

(Reportagem de Julio Villaverde e Natuza Nery)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG